1. Ariana

Universo paralelo, vastidão do espaço
O silêncio é paz e o aconchego é um abraço
Seus olhos que guiam meus passos
Olhos que guiam

Dança entre planetas
“Corre” Vênus é meu cais
Arianamente descarrega sua graça
Seus lábios transpiram fumaça

Brilha acesa nossa vela, unem-se os astros
E num leito tão sagrado deita-se em meus braços
Eternamente seus, eternamente seus

  • Letra e música:
    Ricardo Borges
  • Violão e voz:
    Ricardo Borges
  • Mellotron:
    Diego Zanini
  • Percussão:
    Márcio Kbcinha e Vagner Uberti

1. Ariana

2. Corda Bamba

3. Mar de Algodão

4. Translucidez

5. Lembrança

6. Inverso

← Voltar ao álbum